ABERTURA MUNDIAL DOS PORTOS


Os dez navios que vieram ao Brasil para a temporada 2015/2016 encerraram uma série de 211 viagens pelo litoral brasileiro, uruguaio, argentino e chileno, partindo em seguida para novos cruzeiros mundo afora. Estima-se que mais de 400 mil cruzeiristas tenham experimentado essa aventura dos sonhos desde novembro do ano passado.

Nesse período, os navios fizeram escala em quinze cidades da costa brasileira, o que representou uma significativa entrada de recursos para os locais visitados, com vendas excepcionais no comércio, no transporte e para todo o suporte do qual dependem os cruzeiros, como suprimento de produtos agrícolas.

Mas os municípios ganharam, principalmente, maior visibilidade com a chegada de turistas estrangeiros, a maioria sul-americana, deixando a porta aberta para visitas futuras, o que representa novas receitas para a economia brasileira.

Os benefícios ao País não se resumem a isso, obviamente: há de se computar os impostos recolhidos aos cofres públicos, os milhares de empregos criados a bordo, nos portos, nos escritórios e nas agências de viagens de todo o País.

Temos percebido que o reconhecimento à atividade tem aumentado por parte das autoridades brasileiras, que percebem nossa notável contribuição ao mercado de trabalho e à entrada de dólares pela via do turismo.

Infelizmente, nossos portos continuam sem a infraestrutura necessária para receber os navios, os custos aqui são altíssimos e a burocracia impõe gargalos quase intransponíveis. Alguns acenos são feitos, mas todos demandam tempo e investimento, como a privatização de terminais para navios de passageiros.



Essa demora talvez seja a maior razão pela qual os Cruzeiros Marítimos vêm encolhendo pelo Brasil, uma vez que as armadoras procuram desenvolver seus roteiros para países que sabem atrair a atividade com sabedoria e bom senso. A previsão da CLIA é a de que entre cinco e seis navios venham ao nosso litoral na próxima temporada.

A caminhada do País na contramão desse bom negócio contrasta com o fantástico crescimento dos Cruzeiros Marítimos em todo o mundo. Este ano, esperamos que mais de 24 milhões de pessoas viajem por este meio – mais de um milhão de acréscimo em relação a 2015.

O avanço da indústria dos Cruzeiros permite lançar navios cada vez mais sofisticados e a buscar destinos ainda mais atraentes para seus hóspedes. E é para esse crescimento mundial que os agentes de turismo daqui devem mirar suas baterias.

A verdade é que os brasileiros continuam encantados com os Cruzeiros Marítimos: o que recuou aqui foi a oferta de leitos, não a demanda. Eles querem embarcar mundo afora em nossos navios e, segundo a CLIA Internacional, 75% dos pacotes de Cruzeiros são vendidos pelos agentes. Só no Brasil as armadoras de navios pagaram R$ 90 milhões em comissões na última temporada.

Ao focar os cruzeiros internacionais, os agentes devem conhecer as preferências dos turistas: o Caribe continua sendo a joia da coroa, com 33,7%; a seguir, Mediterrâneo (18,7%), restante da Europa (11,7%), Ásia (9,2%), Austrália e Nova Zelândia (6,1%), Alaska (4,1%) e América do Sul (2,7%).

Pena que o Brasil tenha uma participação tão pequena nessa escala; com seus quase 8 mil quilômetros de costa, deveria ser uma potência no setor e estar entre as mais elevadas posições no ranking mundial, um destino obrigatório dos transatlânticos.

Enquanto isso, a indústria de Cruzeiros Marítimos se expande em larga escala em outros continentes e a demanda por essas viagens cresceu 68% nos últimos dez anos. O impacto econômico em todo o mundo da atividade ultrapassou U$ 120 bilhões de dólares, o que levou à criação de mais de 940 mil empregos e o pagamento de mais de U$ 40 bilhões em salários.

O agente deve avaliar bem a variedade e a qualidade das ofertas em todo o mundo. Com a certeza de que seu cliente vai gostar muito da ideia.

 


Marco Ferraz é presidente da CLIA ABREMAR BRASIL – Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos
 


NOVO MODELO DE COMERCIALIZAÇÃO DA PULLMANTUR NO BRASIL
 
 

A partir de Abril de 2016, a comercialização no Brasil de todos os itinerários internacionais da Pullmantur nos mares do Caribe, Mediterrâneo e norte da Europa será de responsabilidade do escritório da Royal Caribbean Cruzeiros Brasil, empresa do Grupo Royal Caribbean Cruises Ltd., do qual a Pullmantur Cruceros faz parte desde 2006. Gostaríamos de relembrar que nossos hóspedes desfrutam de uma nova proposta a bordo, com serviços mais abrangentes e melhores. Os roteiros oferecem uma especial gastronomia, além do melhor “all inclusive” da categoria, com bebidas selecionadas, uma grande oferta de excursões em terra, e maravilhosos espetáculos musicais e teatrais.


MSC CRUZEIROS ASSINA CARTA DE INTENÇÃO PARA CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA E AVANÇADA GERAÇÃO DE TRANSATLÂNTICOS

A MSC Cruzeiros assinou uma carta de intenção junto ao estaleiro STX France para a construção de até quatro novos navios com mais de 200 mil toneladas, movidos a Gás Natural Liquefeito (GNL). As quatro embarcações, sendo a primeira com entrega prevista para 2022, serão construídas a partir de um novo e avançado protótipo e integrarão uma nova geração de transatlânticos, chamada World Class. A companhia é a primeira do mundo a desenvolver um plano de expansão com a duração de 12 anos, contemplando 11 novos navios. As mais recentes encomendas da empresa refletem um investimento adicional de aproximadamente 4 bilhões de euros, valor que elevará para 9 bilhões de euros o total investido pela armadora neste período.

 

ROTEIRO PARA TERRA DO FOGO É DESTAQUE DA TEMPORADA 2016/2017 DA COSTA CRUZEIROS



 

O clássico roteiro pela região da Terra do Fogo está de volta para a temporada 2016/2017 da Costa Cruzeiros na América do Sul. Em 15 noites, os brasileiros terão a oportunidade de vivenciar uma experiência de férias a bordo do navio Costa Mediterranea. O embarque acontece em Buenos Aires no dia 13 de janeiro de 2017 e lá o navio pernoita. De Buenos Aires, o cruzeiro visita as cidades chilenas de Puerto Madryn e Punta Arenas e navega pelos canais fueguinos, pelas geleiras de Agostini até alcançar a localidade de Ushuaia, considerada a cidade mais austral do planeta e capital da Patagônia. O cruzeiro passa ainda por Montevidéu.

COLEÇÃO OCEANIA

A Oceania Cruises está expandindo sua extensa variedade de itinerários de cruzeiros com o lançamento da Coleção de Verão 2017 e Coleção de Inverno 2018. São 172 itinerários que vão visitar mais de 370 diferentes portos de escala. E, dentre todas as rotas existentes hoje, cerca de 120 terão itinerários completamente novos e portos inéditos, como Nantes , Nice, Bastia (Corsega), na França; Charlotte Amalie, St. Thomas; Husavik, na Islândia; Rijeka, na Croacia; Sept-Îles, na província de Quebec, no Canadá. As reservas feitas para as novas Coleções antes de 30 de setembro de 2016 vão se beneficiar do pacote OLife Choice, com cortesias para os hóspedes, tais como flexibilidade para personalizar suas férias com acesso ilimitado à Internet e a escolha de uma das três generosas seleções de amenidades: excursões grátis, pacote gratuito e ilimitado de bebidas, ou crédito a bordo. www.oceaniacruises.com.br


 
CRYSTAL TERÁ O MAIOR IATE DO MUNDO


 

Meses após lançar o projeto Crystal Yacht Cruises, estrelado pelo Crystal Esprit, com capacidade para 62 passageiros, a Crystal Cruises surpreende mais uma vez e anuncia a chegada do megaiate Endeavor, primeira embarcação construída especialmente para roteiros polares. Com 183 metros de comprimento, o iate terá capacidade para 200 hóspedes e será o maior e mais espaçoso já colocado em operação. O Endeavor está previsto para iniciar a navegação em agosto de 2018. O destino? Ártico, Antártida e alguns destinos tropicais, segundo a presidente e CEO da armadora, Edie Rodriguez, revelando também que a escolha do nome teve como inspiração o navio HMS Endeavor, capitaneado por James Cook, que navegou pela Austrália e Nova Zelândia há 250 anos.


CRUZEIROS EM ALTA NA AGAXTUR

A Agaxtur registrou um crescimento de 8% nas vendas em reais de cruzeiros internacionais no primeiro trimestre deste ano em comparação com igual período de 2015. A empresa segue otimista e acredita ser possível crescer 15% nas vendas em reais neste segundo trimestre. Os cruzeiros internacionais seguem sendo os mais procurados, inclusive por conta da forte queda na oferta dos domésticos para a temporada 2016-2017. Os grandes destaques são as navegações pelo hemisfério norte: Mediterrâneo, Ilhas Gregas, Norte da Europa e Alasca; além de Caribe, que registra procura o ano todo.


DISCOVER CRUISES PROMOVE TEMPORADA 2016/2017 DE DIVERSAS SAÍDAS


 

Representante exclusiva das companhias Princess Cruises, Cunard Line e Holland America Line, a Discover Cruises já está promovendo diversas saídas da temporada 2016/2017 e algumas incluem lugares como Europa, Alasca, Caribe e América do Sul. A bordo de navios luxo e Premium o passageiro irá desfrutar do melhor das três companhias. Segundo Pablo Zabala, diretor de Vendas e Marketing da Discover Cruises, com as promoções a empresa espera crescer 25% em relação ao ano passado. A Discover Cruises também está promovendo a promoção da Uniworld River Cruises "Venda 3, navegue de graça", exclusiva para agentes de viagem que venderem cabines individuais e de grupo. Para 3 ou 6 cabines vendidas o agente irá ganhar uma cabine com direito a acompanhante pela Europa em roteiros de 08 a 11 dias e 13 a 15 dias, respectivamente. Para mais informações, entre em contato com a Discover Cruises, pelo site www.discovercruises.com.br ou pelos telefones 11 4063 0754, 21 3410 1062, 08007074015.

 

AMAWATERWAYS COM SAÍDAS EXCLUSIVAS EM ESPANHOL

A AmaWaterways terá, durante as férias do verão europeu, dois encantadores roteiros com guias das excursões e diretor de cruzeiro falando espanhol. As viagens também oferecerão cardápios e informações diárias em língua espanhola. Ambos terão 7 noites de duração. O roteiro Provença e Espanha, de 29 de julho a 5 de agosto, navegará pelo Rio Ródano a bordo do navio AmaDagio, de Arles a Lyo; e o roteiro Reno Encantador, de 25 de julho a 1º de agosto, viajará pelo Rio Reno no luxuoso AmaPrima, de Basileia a Amsterdã. Extensões opcionais serão oferecidas em Barcelona e Paris, ou Zurique e Lucerna. Estes navios de luxo possuem espaçosas cabines, a maioria delas com varandas dupla ou francesa, gastronomia com assinatura Chaine de Rôtisseurs, vinhos, cervejas e refrigerantes nas refeições, todos os passeios incluídos e wifi grátis.